A próxima edição do ‘SóTocaTop’ traz samba, rock e reggae na playlist. Tem artista estreante nos rankings — Mumuzinho, no samba, e Pitty, no rock —, e veteranos como Sorriso Maroto, Skank e Natiruts, que já estiveram no programa em outras ocasiões. A aposta é o artista Gaab, com sua mistura de pop e funk.

O programa começa com o ranking dos artistas de samba mais ouvidos nas rádios do Brasil. “O samba é uma trilha sonora que faz parte das nossas vidas. É um som que, de tão brasileiro, já virou patrimônio cultural”, comenta o apresentador Luan Santana antes de chamar a primeira atração do episódio: Mumuzinho, que estreia no palco do ‘SóTocaTop’ com “Eu mereço ser feliz”. O programa segue com aplaylist de samba e traz Sorriso Maroto, que vai cantar “O impossível”.

Além de samba, o programa também celebra o rock. Samuel Rosa e sua turma do Skank voltam ao ‘SóTocaTop’, desta vez com a música “Algo parecido”, uma das canções mais ouvidas nas rádios do país na última semana. Quem aparece na mesma lista é Pitty, que vai cantar “Te conecta” em sua estreia no programa. Natiruts chega com toda a leveza do reggae, com “Serei luz”.

Entre os novos artistas, o ‘SóTocaTop’ aposta nesta edição do programa em Gaab, que está começando a despontar em todo o país com sua batida que mescla funk e pop, resultando em um som bem particular. Encerrando o episódio, Luan canta “Dia lugar e luz”.

playlist da semana

Nesta semana, as músicas e artistas mais ouvidos pelo público nas rádios e internet – e que estão no ‘SóTocaTop’ são:

  • Mumuzinho – “Eu mereço ser feliz”

  • Sorriso Maroto – “O impossível”

  • Gaab – “Tem café”

  • Skank – “Algo parecido”

  • Pitty – “Te conecta”

  • Natiruts – “Serei luz”

  • Luan Santana – “Dia lugar e hora”

O ‘SóTocaTop’ tem direção artística de Raoni Carneiro, e apresentação de Luan Santana e Fernanda Souza.

O programa vai ao ar no canal internacional da Globo neste sábado, 1o de dezembro, nas Américas; e no sábado seguinte, 8 de dezembro, na Europa, África, Japão e Austrália.

Foto: Skank

Crédito: Globo/Divulgação