Repórter Helena Lara Resende mostra como agem três instituições envolvidas com o tema. Em Minas Gerais, programa acompanha soltura de animais capturados no mercado ilegal.  

O ‘Como Será?’ traz reportagem sobre uma tendência mundial: a redução do uso de animais em testes laboratoriais. No Brasil, uma resolução de 2014 prevê o banimento deste uso em testes de cosméticos, e a redução em outros casos, dando um prazo a laboratórios, instituições e empresas para se adequarem às novas regras. Diante deste panorama, a repórter Helena Lara Resende visita três instituições que atuam em lados diferentes da questão: uma empresa que trabalha no aprimoramento de peles artificiais para testes de cosméticos; o Inmetro, que testa a qualidade dessas metodologias alternativas e as implementa em laboratórios brasileiros e do Mercosul; e o Instituto Vital Brazil, que cuida e acomoda animais utilizados em testes.

Em Montes Claros, Minas Gerais, reportagem mostra uma iniciativa do Ibama e da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Minas Gerais que está ajudando a devolver à natureza animais silvestres vítimas de tráfico. Estima-se que 40 milhões deles sejam retirados anualmente do seu habitat para abastecer o mercado ilegal. A reportagem acompanha o trabalho no centro de triagem que abriga os bichos assim que são resgatados: muitas aves chegam com as asas cortadas, a coloração das penas alterada por má alimentação e até cegos. Eles recebem o tratamento necessário e, de lá, são levados para fazendas cadastradas no Projeto Asas, que realiza a readaptação e soltura dos animais. As propriedades são submetidas a uma avaliação de flora, fauna e recursos hídricos para que recebam espécies nativas. Na maior parte das vezes, as aves ainda passam ao menos 40 dias em viveiros antes da liberdade absoluta. Nos últimos três anos, 3.291 animais foram soltos.

Para falar sobre a volta às aulas no Brasil, Michelle Loreto recebe o educador, escritor e químico, Mozart Neves. Ele responde dúvidas como: o que fazer para manter as crianças motivadas após as férias? E para incentivar o desejo de aprender? Quantos alunos devem estudar por turma? Como os pais devem se envolver com a rotina escolar? O especialista também responde perguntas do público.

Sobre o ‘Como Será?’

O ‘Como Será?’, parceria do Jornalismo e da área de Responsabilidade Social da Globo com a Fundação Roberto Marinho, tem como objetivo compartilhar com o público experiências transformadoras, exemplos de cidadania e colaborar para a construção de um futuro melhor ao tratar de maneira integrada temas como educação, ecologia, mobilização social, trabalho e inovação. É um espaço para apresentar, conhecer e incluir pessoas e ideias, que conta com a interatividade como grande aliada.