Desmoralizar Samir (Irandhir Santos) para reintegrar as terras do Lajedo dos Anjos foi o que levou Ramiro (Fabio Assunção) a infiltrar Joana (Maeve Jinkings) na comunidade. O líder religioso sempre soube das reais intenções do juiz, mas não fez distinção e a recebeu com o mesmo respeito e benevolência com que trata todos os moradores. A permanência da ex-amante de Pedro Gouveia (Alexandre Nero) no local, no entanto, vem tentando Samir. E o religioso, que havia prometido o celibato, não conseguirá resistir por muito tempo.

O episódio vai ao ar sexta-feira, dia 1 de junho
No capítulo, Samir não consegue controlar o desejo e acaba beijando Joana após a mulher se mostrar culpada pelo mal que se abateu sobre o local desde a sua chegada. A situação leva os dois a uma conversa sobre os sentimentos envolvidos entre eles. Constrangido, o religioso assume que a chegada dela o fez lembrar que, apesar de tudo, é um homem de carne e osso. Uma conclusão que ainda vai causar outras consequências. Longe da mulher, culpado por ter cedido à perdição, ele cumprirá um ritual de penitência.

De George Moura e Sergio Goldenberg, escrita com a colaboração de Flavio Araujo, Mariana Mesquita e Claudia Jouvin, ‘Onde Nascem os Fortes’ tem direção artística de José Luiz Villamarim, direção geral de Luisa Lima e direção de Walter Carvalho e Isabella Teixeira.

Foto: Samir (Irandhir Santos)

Crédito: Globo / Estevam Avellar